Dicas Sobre Marketing Digital: Saiba Tudo Para Ter Sucesso No Mercado

Dicas sobre marketing digital

Se você está perdido(a) no Marketing Digital e precisa de umas dicas, confira esse artigo até o final porque ele vai te ajudar de uma vez por todas a seguir no rumo que precisa para ganhar muito dinheiro no mercado. Nele eu vou te passar diversas dicas, separadas por categoria. Que são basicamente dicas para seu website, para suas redes sociais, dicas de e-mail marketing dentre outras. Acredito que você já saiba o que é Marketing Digital, mas mesmo assim não custa explicar. Então o Marketing Digital, é todo o conjunto de estratégias que visam o reconhecimento da marca, a qualificação do produto/serviço e fidelização do cliente através da internet. Basicamente, são as formas de você divulgar o que você quer vender, pela internet. Sem contar a analise de mercado que deve ser feita por você antes. Mas na Internet são inúmeras estratégias que podem ser utilizadas para fazer essa divulgação. Tendo em vista isso, eu separei algumas das principais dicas que você deve levar em conta, para trabalhar com Marketing Digital. Todas elas separadas por Categorias. Mas Porque Dicas Sobre Marketing Digital? Porque existem inúmeras estratégias para se poder aplicar. Então, nada melhor que um guia separado, por categorias, para guiar você nas melhores dicas sobre marketing digital. Assim, cada pessoa poderá achar a melhor estratégia que combine com seu perfil. Eu digo isso também, porque não adianta você tentar seguir todas as dicas de uma só vez. Você deve sempre se atentar em focar em uma coisa primeiro, para depois que você obtiver sucesso nela, poder migrar para as outras. Mas é importante que você deve leia todas elas, para ter conhecimento da existência dessas estratégias caso precise utiliza-las algum dia. [epico_capture_sc id=”8232″] Confira Abaixo As Dicas Sobre Marketing Digital Vou dividir as dicas nas categorias de dicas para website, SEM, social media, marketing de conteúdo e E-mail Marketing Vou começar com as dicas sobre marketing digital para o seu Website. confira : 1 – Suas páginas devem ser carregadas rapidamente Se você não fizer nada para melhorar sua página da Web, deverá fazer com que elas sejam carregadas o mais rápido possível . Essa é uma das dicas sobre marketing digital que mais pode fazer a diferença para você. Afinal, se usar o Google é uma das suas estratégias, você não pode de forma alguma ignorar a velocidade de carregamento do seu site porque se não nunca conseguirá se posicionar bem. As conexões com a Internet podem ter ficado cada vez mais rápidas ao longo dos anos, mas não importa o quão rápida é a conexão média para seus leitores, sempre há mais dados, mais conteúdo e mais imagens para eles baixarem.  Você também precisa considerar os visitantes com celular que podem não ter velocidades de conexão tão maravilhosas no momento em que visitam sua página! Ou seja, você precisa preparar seu site para que ele esteja rápido independentemente da circunstância em que o seu possível usuário se encontre. Se ignorar essa etapa, ficará em posições inferiores nos mecanismos de busca porque seus concorrentes com certeza se atentarão a esse fator. Você também deve usar imagens leves Os designers de web iniciantes muitas vezes criam páginas da Web que seriam maravilhosas se suas imagens não fossem tão grandes.  Se você tiver várias imagens usadas em várias páginas do seu site (como ícones de mídia social), você poderá usar sprites para armazenar as imagens em cache para que não precisem ser baixadas novamente na segunda página que seus clientes visitam. Além disso, com as imagens armazenadas como uma imagem maior, isso reduz as solicitações de HTTP para sua página, o que é um grande aprimoramento de velocidade. Caso você não tenha entendido essa última parte, Veja aqui esse artigo explicando melhor. 2 – Suas páginas devem ter apenas o necessário As escritas  no seu site devem ser envolventes e completas mas sem muita enrolação para que não fique chato e cansativo. Ou seja, você precisa garantir que o conteúdo da sua página entregue rapidamente o que seus visitantes querem, mas forneça detalhes suficientes para aqueles que querem expandir o básico. Você precisa andar nessa linha tênue entre ter muito conteúdo e não parecer chato. 3 – Você deve usar cores apropriadas As vezes pode ser difícil escolher uma combinação de cores para seu site, mas as cores têm significados para as pessoas, e usar a cor errada pode ter a conotação errada se você não for cuidadoso. Pesquisar os significados das cores para poder dar a real impressão do seu site. Quando quiser chamar a atenção e fazer um contraste. Use a cor que está do lado oposto do circulo cromático, veja: Ou seja, caso queira criar um contraste no seu site, boas cores seriam a verde clara e a rosa. Agora, caso queira um site mais “harmônico”, poderia escolher a verde clara e a amarela. Sugiro que pense a respeito de qual é o estilo do seu público alvo. Dessa forma ficará mais fácil selecionar as melhores e mais agradáveis cores para eles. 4 – Escreva tudo corretamente no Marketing Digital Muitas poucas pessoas são tolerantes a erros de ortografia, especialmente em um site profissional. Você pode escrever um tópico completamente livre de erros por anos, e então ter um simples erro de português e você receberá e-mails irados de alguns clientes. Muitos desistirão em desgosto sem entrar em contato com você. Pode parecer injusto, mas as pessoas julgam os sites pela qualidade da escrita, e os erros de ortografia e gramática são um indicador óbvio de qualidade para muitas pessoas. Essa dica sobre marketing digital, pode parecer boba, mas acredite, não é. Eles podem achar que, se você não for cuidadoso o suficiente para verificar o seu site , os serviços que você fornecer também serão aleatórios e propensos a erros. 5 – Seus links devem funcionar Links quebrados são outro sinal para muitos leitores (e mecanismos de busca também) de que um site não é bem mantido.  Pense nisso desta maneira, por que alguém iria querer

Link de Afiliado: Não basta editar, tem que fazer isso…

link de afiliado

Link de afiliado: Não basta editar, tem que fazer isso… Grande parte dos afiliados estão acostumados a apenas encurtar o seu link de afiliado em uma das plataformas disponíveis (Bitly, Linktree, Pretty link) e colocar o nome do produto ao longo da nova URL. Porém, ao fazer isso, os afiliados cometem dois erros que acabam os atrapalhando a conseguir ter melhores resultados. Vamos por partes para facilitar o seu entendimento. OBS: Caso queira consumir esse conteúdo por meio de um vídeo, arraste para o final da página ou clique aqui. Como editar o seu link de afiliado? Para editar o seu link de afiliado, basta você copiar ele em uma das plataformas de afiliação (Hotmat, Monetizze, Eduzz) e colar no campo de encurtar que tem nos sites para fazer isso (recomendo que use o Bitly). Não tem segredo.  Basta você acessar o site, criar o seu usuário e logo em seguida já vai se deparar com o campo para inserir o link. OBS: É importante que você crie um usuário porque se não você não conseguira editar a URL do seu link de afiliado. Quais são os erros que os afiliados cometem? Ao editar a URL do link de afiliado, grande parte das pessoas colocam o nome do produto que estão vendendo no lugar dos números e letras iniciais. Exemplo: Antes: http://bit.ly/2MiCBLl Depois: http://bit.ly/nome-do-seu-produto E por que não é interessante fazer dessa forma? Quando você coloca o nome do produto ao longo da URL do seu novo link de afiliado, você acaba cometendo dois erros: Erro #1: Como não só você mas milhares de outros afiliados fazem a mesma coisa, o nome do produto fica “desgastado”. Com isso, quando as pessoas veem ele novamente, tendem a não clicar porque já viram aquele link de afiliado antes. Isso acontece porque o cérebro humano é extremamente intolerante com informações repetidas.  É como se fossemos o HD de um computador. Sempre que chega algo repetido aparece uma mensagem de atenção, como se aquele arquivo não fosse bem vindo. Ou seja, a pessoa inconscientemente já se torna propensa a não gostar daquilo que você está mostrando, apenas por já ter visto aquilo antes. Entretanto, esse pensamento é completamente diferente quando o assunto é uma página de um site (página de vendas do seu produto). Por que? Primeiramente porque somos extremamente intolerantes a links e sempre que nos enviam um, já queremos mandar aquela pessoa “ir pastar”. Outro fator muito relevante é que quanto mais vezes nos deparamos com um produto, mais nos familiarizamos com ele e, consequentemente, maior é a nossa tendência de compra-lo (isso foi comprovado por um dos mais famosos cientistas sociais da atualidade). Ou seja, se você envia um link de afiliado que uma pessoa já viu, ela vai tender a não clicar nele.  Porém, se você manda um link de afiliado diferente mas que envia aquela pessoa para uma página mesma página, as chances dela se familiarizar com aquele produto e comprar ele é bem grande. Digite seu melhor e-mail aqui embaixo para receber! Quero receber! Erro #2:  Quando você coloca o nome do produto no link de afiliado, você deixa de aplicar algumas estratégias que são muito importantes e que te ajudam muito a fazer com que aquela pessoa que você o enviou clique nele e até mesmo compre o seu produto. Reflita comigo: Se você tem que tentar ser o mais breve e impactante possível, quanto mais persuasivo for o seu texto, maior é a chance de uma pessoa comprar o seu produto. Certo? Diante disso, é bem mais interessante você usar a URL do seu link de afiliado para também te auxiliar nesse processo de persuasão. Como você pode fazer isso? Basicamente você vai colocar ao longo da URL do seu link de afiliado a maior transformação que aquela pessoa vai ter ao comprar aquele produto. Não entendeu? Vou te explicar. Mas antes você precisa ter uma coisa em mente. As pessoas nunca compram o produto porque ele é bonito ou de qualidade.  Elas compram porque esses produtos vão adicionar alguma coisa na vida delas.  Ou seja, elas compram a transformação que o produto vai lhes proporcionar. Diante disso, vamos supor que você esteja vendendo algum produto que chama projeto Fit60d e ele tem como promessa ao consumidor fazer com que ele emagreça 21kg nos próximos 60 dias. E isso sem deixar de comer bem. Com isso, você teria 2 opções de URL. Errada: http://bit.ly/projeto-fit60d Certa: http://bit.ly/perca-21kg-rapido-comendo-muito-bem Percebeu a diferença? Pois é, então é dessa forma que você deve prosseguir ao editar o seu link de afiliado. Pegue a maior promessa do seu produto e insira na URL do seu link de afiliado. OBS: Tente ser o mais breve possível para não deixar seu link de afiliado muito grande. Agora, te convido a assistir esse vídeo onde eu também falo um pouco sobre as o que você deve fazer com o seu link de afiliado e como deve edita-lo. https://youtu.be/oL42tTTevC0 Link do vídeo: https://youtu.be/oL42tTTevC0 Agora me conta aqui embaixo o que você achou desse conteúdo. Eu vou curtir muito saber!!

E-mail marketing está ultrapassado ou ainda é ESSENCIAL?

e-mail marketing

Ao longo desse artigo você vai saber exatamente tudo o que precisa saber para tomar sua decisão a respeito de usar ou não usar as estratégias de e-mail marketing no seu negócio. Para todo lugares que olhamos existem opiniões diferentes sobre isso, não é mesmo? Eu particularmente me lembro muito bem que as opiniões divergentes que eu via a respeito do e-mail marketing causavam uma confusão enorme em mim quando eu estava começando no mercado. Para todo canto que eu olhava era alguém falando algo diferente sobre isso. Isso me deixava muito perdido porque eu ainda era um cara inexperiente no mercado e ficava sem saber o que fazer com tanta informação diferente. Tudo o que eu queria era saber qual estratégia eu deveria usar para que eu realizasse meu sonho de trabalhar pela internet. Mas infelizmente todas as pesquisas que eu fazia só me confundiam cada vez mais. Inclusive, esse é o motivo de porque estou escrevendo esse artigo para você. Quero que você saiba exatamente o que precisa fazer para começar a ter seus primeiros resultados na internet. Afinal, ganhar dinheiro em quanto dorme, deixar a internet trabalhar para você e ainda por cima não ter nenhum chefe enjoado no seu pé não é algo que podemos desistir de ter… Então o que eu fiz diante de todas aquelas opiniões diferentes a respeito do e-mail marketing que eu vi? Decidi que eu iria colocar em prática e testar eu mesmo para ver o que mais da certo para mim. Fiz isso porque para mim ficou muito nítido que a grande maioria das pessoas que não tinham resultado no mercado simplesmente não tinham resultado porque não eram qualificados para conseguir isso… Então lá fui eu testar e dar a cara a tapa para ver o que iria acontecer. Eu me lembro que passei horas montando meus e-mails. Pensei em cada letra que estava la dentro e cada virgula que eu iria colocar. PS: Isso depois de passar algumas horas apanhando da ferramenta de e-mail. Afinal, eu não sabia mexer em absolutamente nada… O fato é que depois de todas essas horas trabalhando. Tudo ficou pronto e la foi eu tentar atrair pessoas ali para dentro para que eu conseguisse vender. Me lembro perfeitamente que no primeiro dia eu passei horas na frente do computador. Pensando em publicações perfeitas para fazer que iriam me fazer conseguir capturar e-mails para a minha lista. Criei cada detalhe da minha imagem com o maior cuidado possível. Pensei em cada palavra da minha descrição e o fato é que consegui uns 3 leads… O pior é que isso já bastou para que eu ficasse recarregando e e-mail de 5 em 5 minutos para ver se havia caído alguma venda. Se deu certo? Claro que não. Me frustrei… Depois de alguns dias ja eram mais de 200 leads e nada de ter caído venda ali para mim. Quase desisti do e-mail marketing. Confesso que até sai falando mal por ai dele. Mas ainda bem que foi só um QUASE DESISTI. Afinal, hoje minha lista de e-mail é responsável por mais de 50% do meu faturamento mensal. O fato é que eu percebi que 90% dos críticos do e-mail marketing nunca sequer usaram ele da maneira certa. Sempre eram pessoas que assim como eu haviam conseguido poucos leads, que haviam gerenciado eles da maneira errada, que haviam ofertado da forma errada e consequentemente que não haviam conseguido fazer vendas. Os outros 10% simplesmente descobriram que conseguiam um faturamento melhor usando outra forma de captação. Então afinal, ainda vale a pena captar o e-mail dos seus clientes e fazer um e-mail marketing ou é melhor construir suas listas por outros lugares como o WhatsApp e ManyChat do Facebook? E-mail Marketing: Usar ou não usar? E a minha resposta para você é: DEPENDE DA IDADE DO SEU PÚBLICO. Atualmente no meu modelo de negócio e vendas online, faço a captação de leads por vários lugares. Dentre eles:  WhatsApp, ManyChat e Emails que são os mais famosos. Qual deles me traz mais resultados? Disparadamente o e-mail. Assim como te falei ali encima, hoje em dia minha lista de e-mail é responsável por mais de 50% do meu faturamento mensal. Entretanto, eu trabalho em nichos onde a média de idade é de pessoas acima de 18 anos. Ou seja, são pessoas mais adeptas ao e-mail. Entretanto, caso a média de idade do seu público seja inferior a essa, sugiro que foque em outro meio de captação. Como o manychat do Facebook por exemplo. Digo isso porque um público muito jovem não tem o costume de abrir seu e-mail todos os dias e, portanto, você deve preocupar em atingi-lo onde ele realmente está, que é nas redes sociais e WhatsApp. Por outro lado, caso a média de idade do seu público seja um pouco superior, recomendo fortemente que você use sim as ferramentas de e-mail marketing. Afinal, por mais que existam vários críticos por ai, o e-mail ainda traz um resultado fenomenal para quem o usa da maneira certa e você deve sim usar se quiser faturar alto… Ainda não te convenci? Então reflete uma coisa aqui comigo… Qual player grande do mercado você conhece que não usa o e-mail marketing? Te desafio a contar 5 ai na sua mão. Aposto que vai ser bem difícil você conseguir achar! Você acha que isso é por acaso? Claro que não… Se nós que faturamos alto ainda usamos é porque realmente ainda funciona e funciona muito bem. Somos apaixonados por resultado e não por estratégias. Ou seja, se o e-mail marketing ainda faz parte das nossas estratégias é porque ele ainda gera muito resultado… O grande problema da maioria das pessoas que não tem resultado com o e-mail é que elas não sabem como usa-lo da melhor forma. Diante disso, vou deixar algumas dicas aqui embaixo que vão te ajudar e muito com isso! PS: Outra dúvida muito frequente que as pessoas tem a respeito disso é sobre qual ferramenta usar. Falaremos

e-mail marketing

Ao longo desse artigo você vai saber exatamente tudo o que precisa saber para tomar sua decisão a respeito de usar ou não usar as estratégias de e-mail marketing no seu negócio.

Para todo lugares que olhamos existem opiniões diferentes sobre isso, não é mesmo?

Eu particularmente me lembro muito bem que as opiniões divergentes que eu via a respeito do e-mail marketing causavam uma confusão enorme em mim quando eu estava começando no mercado.

Para todo canto que eu olhava era alguém falando algo diferente sobre isso.

Isso me deixava muito perdido porque eu ainda era um cara inexperiente no mercado e ficava sem saber o que fazer com tanta informação diferente.

Tudo o que eu queria era saber qual estratégia eu deveria usar para que eu realizasse meu sonho de trabalhar pela internet.

Mas infelizmente todas as pesquisas que eu fazia só me confundiam cada vez mais.

Inclusive, esse é o motivo de porque estou escrevendo esse artigo para você.

Quero que você saiba exatamente o que precisa fazer para começar a ter seus primeiros resultados na internet.

Afinal, ganhar dinheiro em quanto dorme, deixar a internet trabalhar para você e ainda por cima não ter nenhum chefe enjoado no seu pé não é algo que podemos desistir de ter…

Então o que eu fiz diante de todas aquelas opiniões diferentes a respeito do e-mail marketing que eu vi?

Decidi que eu iria colocar em prática e testar eu mesmo para ver o que mais da certo para mim.

Fiz isso porque para mim ficou muito nítido que a grande maioria das pessoas que não tinham resultado no mercado simplesmente não tinham resultado porque não eram qualificados para conseguir isso…

Então lá fui eu testar e dar a cara a tapa para ver o que iria acontecer.

Eu me lembro que passei horas montando meus e-mails.

Pensei em cada letra que estava la dentro e cada virgula que eu iria colocar.

PS: Isso depois de passar algumas horas apanhando da ferramenta de e-mail.

Afinal, eu não sabia mexer em absolutamente nada…

O fato é que depois de todas essas horas trabalhando, tudo ficou pronto e la foi eu tentar atrair pessoas ali para dentro para que eu conseguisse vender.

Me lembro perfeitamente que no primeiro dia eu passei horas na frente do computador pensando em publicações perfeitas para fazer que iriam me fazer conseguir capturar e-mails para a minha lista.

Criei cada detalhe da minha imagem com o maior cuidado possível, pensei em cada palavra da minha descrição e o fato é que consegui uns 3 leads…

O pior é que isso ja bastou para que eu ficasse recarregando e e-mail de 5 em 5 minutos para ver se havia caído alguma venda.

Se deu certo?

Claro que não. Me frustrei…

Depois de alguns dias ja eram mais de 200 leads e nada de ter caído venda ali para mim.

Quase desisti do e-mail marketing. Confesso que até sai falando mal por ai dele.

Mas ainda bem que foi só um QUASE DESISTI.

Afinal, hoje minha lista de e-mail é responsável por mais de 50% do meu faturamento mensal.

O fato é que eu percebi que 90% dos críticos do e-mail marketing nunca sequer usaram ele da maneira certa.

Sempre eram pessoas que assim como eu haviam conseguido poucos leads, que haviam gerenciado eles da maneira errada, que haviam ofertado da forma errada e consequentemente que não haviam conseguido fazer vendas.

Os outros 10% simplesmente descobriram que conseguiam um faturamento melhor usando outra forma de captação.

Então afinal, ainda vale a pena captar o e-mail dos seus clientes e fazer um e-mail marketing ou é melhor construir suas listas por outros lugares como o WhatsApp e ManyChat do Facebook?

E-mail Marketing: Usar ou não usar?

E a minha resposta para você é: DEPENDE DA IDADE DO SEU PÚBLICO.

Atualmente no meu modelo de negócio e vendas online, faço a captação de leads por vários lugares.

Dentre eles:  WhatsApp, ManyChat e Emails que são os mais famosos.

Qual deles me traz mais resultados?

Disparadamente o e-mail.

Assim como te falei ali encima, hoje em dia minha lista de e-mail é responsável por mais de 50% do meu faturamento mensal.

Entretanto, eu trabalho em nichos onde a média de idade é de pessoas acima de 18 anos.

Ou seja, são pessoas mais adeptas ao e-mail.

Entretanto, caso a média de idade do seu público seja inferior a essa, sugiro que foque em outro meio de captação.

Como o manychat do Facebook por exemplo.

Digo isso porque um público muito jovem não tem o costume de abrir seu e-mail todos os dias e, portanto, você deve preocupar em atingi-lo onde ele realmente está, que é nas redes sociais e WhatsApp.

Por outro lado, caso a média de idade do seu público seja um pouco superior, recomendo fortemente que você use sim as ferramentas de e-mail marketing.

Afinal, por mais que existam vários críticos por ai, o e-mail ainda traz um resultado fenomenal para quem o usa da maneira certa e você deve sim usar se quiser faturar alto…

Ainda não te convenci?

Então reflete uma coisa aqui comigo…

Qual player grande do mercado você conhece que não usa o e-mail marketing?

Te desafio a contar 5 ai na sua mão. Aposto que vai ser bem difícil você conseguir achar!

Você acha que isso é por acaso?

Claro que não…

Se nós que faturamos alto ainda usamos é porque realmente ainda funciona e funciona muito bem.

Somos apaixonados por resultado e não por estratégias.

Ou seja, se o e-mail marketing ainda faz parte das nossas estratégias é porque ele ainda gera muito resultado…

O grande problema da maioria das pessoas que não tem resultado com o e-mail é que elas não sabem como usa-lo da melhor forma.

Diante disso, vou deixar algumas dicas aqui embaixo que vão te ajudar e muito com isso!

PS: Outra dúvida muito frequente que as pessoas tem a respeito disso é sobre qual ferramenta usar. Falaremos disso um pouco mais abaixo nesse artigo.

Dica #1 - Títulos

Se as pessoas abrem apenas alguns dos e-mails, uma coisa fica clara, elas abrem aqueles que os títulos mais chamam a atenção delas.

Diante disso, você precisa procurar gerar muita curiosidade nos títulos dos e-mails que você vai construir.

Usar frases como:

1- Você precisa ver isso.

2- Descubra porque___

3- Você vai gostar disso aqui.

Essas, são frases que chamam mais a atenção dos clientes e, portanto, você deve usar e abusar delas.

Além disso, para fazer com que seus e-mails se destaquem no meio da multidão, recomendo que use colchetes com palavras fortes ou emojis.

Por exemplo:

1- [Importante] Você precisa ver isso aqui.

2- 🔴 Você precisa ver isso aqui.

Dica #2 - Inicio do e-mail

Se você pensou que bastava colocar um título legal e seus problemas estavam resolvidos, tenho uma notícia ruim para te dar.

Você se equivocou!

Não basta APENAS escrever bons títulos para ter sucesso com o e-mail marketing.

Isso acontece porque as pessoas podem até abrir os seus e-mails caso seu título esteja legal.

Porém, elas só vão ler ele se o que estiver escrito logo nas primeiras linhas provarem para elas que devem continuar prestando atenção naquilo que você mandou.

Ou seja, capriche bastante no inicio do seu e-mail e procure gerar muita curiosidade também. 

Para isso, recomendo que coloque a idéia principal daquele e-mail logo de inicio. 

Dessa forma, fica mais fácil da pessoa perceber que aquele e-mail é importante e que ela não pode deixar de ler. 

Além disso, caso queira saber como utilizar gatilhos mentais para persuadir aquela pessoa a não só continuar lendo aquilo mas também comprar o seu produto, recomendo que você leia o livro “As armas da Persuasão”. 

Nele você vai aprender o que deve falar/escrever para induzir as pessoas a fazerem exatamente o que você quer sem nem precisar se esforçar para isso.

OBS: Tenho um desconto na Amazon e se você clicar aqui ao lado e comprar, paga metade do preço do que pagaria em uma livraria.

Dica #3 - Corpo receptivo

Grande parte das pessoas que utilizam o e-mail marketing, pensam que precisam escrever verdadeiros artigos em seus e-mails para conseguir vender.

Porém, isso definitivamente não é verdade. Muito pelo contrário.

Se quiser ter bons resultados com o e-mail marketing, seu e-mail deve ser curto, informal e escrito em vários tópicos curtos ao invés de poucos tópicos longos.

Ou seja, ao invés de escrever 3 parágrafos de 10 linhas, você deve escrever 10 parágrafos de 3 linhas.

Dessa forma, seu texto fica muito mais receptivo, fácil de ler e tende a ser muito mais “aceito” pelos seus clientes.

 

Qual a melhor ferramenta de e-mail marketing?

Não só considerando os  preços e qualidades de serviço mas também vários outro fatores como bônus fornecidos, entregas de e-mails e suporte, a melhor ferramenta é a Leadlovers.

Inclusive é ela que eu uso nos meus projetos…

Ela é considerada a melhor plataforma do mercado e é a queridinha de todos que trabalham com e-mail marketing.

Diante disso, sem sombra de dúvidas, é ela que você deve usar.

Dessa forma, vai se poupar muita dor de cabeça com outras plataformas que na grande maioria das vezes nem si quer vão conseguir entregar seus e-mails para os seus clientes.

Alguns pontos positivos da Leadlovers são:

– Alta taxa de entrega dos seus e-mails (raro de acontecer)

– Suporte de extrema qualidade.

– Custo benefício altissimo.

– Extremamente fácil de manusear e mexer. 

Dizendo como alguém que ja testou várias outras ferramentas, sugiro fortemente que você opte pela Leadlovers.

Afinal, estamos falando da estratégia que mais vai te gerar lucros e que portanto, não vale a pena economizar.

É melhor você investir em uma que funciona com certeza e ter seus lucros sem dor de cabeça do que deixar de ganhar dinheiro porque seus e-mails nem sequer estão sendo entregues para os seus leads.

Super Bônus

Cumprindo com o grande objetivo do projeto Enriquecendo Online (fornecer para você a ajuda que eu tanto procurei quando estava começando a trabalhar com marketing digital).

Eu produzi um super bônus para você onde vou te ensinar tudo o que você precisa saber para ter excelentes resultados usando o e-mail marketing.

Você vai aprender tudo o que precisa saber.

Desde a criação de títulos matadores até como escrever a ultima frase do seu e-mail.

Tudo baseado em gatilhos mentais, persuasão e vendas.

OBS: Eu gastei mais de 5 mil reais para adquirir esse conhecimento e vou te entregar como bônus da plataforma da Leadlovers.

Totalmente grátis. 

Então não se esqueça de aparecer aqui depois para contar como estão indo seus resultados ehehe.

Eu configurei esse bônus para ser entregue a você no mesmo e-mail que você contrata a Leadlovers.

Portanto, basta você contratar o serviço deles e receberá os bônus por e-mail!

Além desse bônus ainda vou te dar outros 3 bônus que também vão te ajudar e muito a ter excelentes resultados não só no seu negócio mas também no seu dia a dia de trabalho.

Obs2: Sei que parece bom demais para ser verdade mas não precisa se preocupar. 

Estou fazendo isso porque a partir de hoje você faz parte da família do projeto Enriquecendo Online e, portanto, quero e muito te ajudar na sua jornada!

Você vai receber esses 4 bônus totalmente de graça. Então aproveite e boa sorte bom o seu negócio.

Agora, caso queira saber um pouco mais sobre como ter sucesso com suas vendas na internet, sugiro que assista ao vídeo abaixo!

Link do vídeo: https://youtu.be/XVdx8rpTsqE

Ei me conta aqui embaixo o que você achou desse conteúdo? Eu vou curtir muito saber sua opinião!!